terça-feira, 27 de dezembro de 2011

É dever dos filhos,,,,,,,,,,,,,,,


É dever dos filhos, na qualidade de companheiros do lar, ajudar a seus pais naquilo que estiver ao seu alcance. Se já tens algo de compreensão nas linhas do saber, não te esqueças de doá-lo aos teus progenitores.
-o-
Teus pais serviram de instrumentos para que aparecesses na Terra. E isso constitui uma misericórdia de Deus.
-o-
O filho adulto é um prosseguimento dos pais; o lar é teu também, os deveres de casa te pertencem, e os cuidados do ambiente em que vives devem ser o teu hábito natural.
-o-
Se o teu modo de ser encontra resistência dentro da tua casa, não dês vazão aos instintos inferiores. Lembra-te que o amor cobre tudo, com grande saldo de paz. Trabalha em favor de todos, em nome de Deus.
-o-
Pensa em como amparar àqueles que te cercam, estuda como ajudar aos que caminham contigo, e ora em benefício dos teus irmãos em Cristo, que os céus não faltarão com a inspiração de como ajudar.
-o-
Não tires nada de teus pais, acreditando que as coisas deles são tuas. Caso precises, pede com humildade e, caso possas, repõe com dignidade aquilo que te serviu.
-o-
Não sejas companheiro do destruidor, porque tudo que destruímos as leis nos cobram.
-o-
Um bom filho é alegria para os pais, entusiasmo para os professores e exemplo vivo para os seus companheiros.
-o-
Pecado, no nosso entendimento, é tudo aquilo que foge às leis de Deus, que todos conhecemos no livro da consciência.
-o-
Fica bem com os teus pais, pois todos são Espíritos comprometidos com a lei. O lar é uma esponja para absorver os males cármicos e aprumar as Almas para as diretrizes do bem que nunca morre.
-o-o-o-





Nenhum comentário:

Postar um comentário