quinta-feira, 25 de julho de 2013

NÃO FAÇA DA SUA ALMA CAMPO DE CONFLITOS

NÃO FAÇA DA SUA ALMA CAMPO DE CONFLITOS

Hoje, pegando os ensinamentos da Grande Fraternidade Branca, deparei-me com um texto falando sobre as dificuldades que estão por vir e nos dando alento, pois as mudanças doerão um pouco, mas virão para que tudo, enfim, entre nos eixos. 
Sei que muitos não acreditam, e os respeito tanto quanto os que professam o meu credo. 
Mas não custa alertar para que não se deixem envolver pelo pessimismo, pelo medo ou pela desesperança.
O final será para o bem.
Apenas confiem e se entreguem a esta nova energia que está vindo, desconhecida ainda, mas iluminada, transformando todos os que se abrirem a recalibração e ajustes.
Que cada um tente não sair de sintonia com pensamentos de tristeza, de desalento, de ira. Pense paz e harmonia.
Evite se sentir injustiçado ou se vitimizar, isso só quebraria um elo na corrente de Luz, fazendo com que a mudança seja mais lenta e dolorosa.
Agora é só manter acesa a chama com pensamentos de amor incondicional. Vigiar a mente para que não fuja ao controle, o espírito é o comando, não a carne. 
E tentar não cair nas teias passadas, pois todos trazemos, do pretérito, mazelas e imperfeições quase visíveis a olho nu.
Não se preocupe com elas, todos cometemos nossos erros e falhamos várias vezes, a Misericórdia sempre virá em socorro 
do que se dedicar ao combate dos deslizes e desajustes.
Que o passado pertença ao passado, e por lá fique.
O que nos é pedido daqui pra frente é amor ao próximo, mesmo sem retorno. Respeito e proteção a toda forma de vida. Ajuda ao irmão que segue mais lento, oferecendo a mão. 
E, principalmente, orientação se for pedida. Sem tentar ensinar nada, de nada sabemos, a orientação recomendada é sobre o valor do amor, da calma e da caridade [não só com a família, mas com os que chamamos de "estranhos" também, ninguém é estranho sob o sol do planeta].
Mesmo que não acredite, confie em uma Força Maior e não se deixe abater por notícias alarmistas, serão muitas, mas não faça da sua alma campo de conflitos.
Medite, ore na sua fé, se a possuir, e tente manter o equilibrio, tudo dará certo. Aliás, já deu!

[elza fraga]

Segue trechos da mensagem de Confúcio:
(Fonte: Boletins Ponte de Luz para a
Grande Fraternidade Branca - NaveLuz)

"Há alguns acontecimentos terrenos que indicam grandes mudanças, de forma que já percebemos como o tempo se aproxima e muitas coisas mudarão em nosso mundo. Há transformações na política e na economia, mas não acontecerá de uma vez, e sim em etapas, de forma lenta, para que também possa ser mais facilmente tratado pelas pessoas. O que mudará, no entanto, é a vibração, e ela virá acompanhada da visibilidade de muitas coisas que ainda estão invisíveis, e isto causará irritações nas pessoas, pois serão confrontadas com suas próprias sombras e não saberão o que isto significa. 
...
Nós já lhes dissemos muitas coisas sobre isto, e parece que este momento se aproxima trazendo consigo outros comportamentos vibracionais sobre a Terra, mas isso acontecerá aos poucos, de forma que as pessoas possam se adaptar a eles. 
...
Por isso, lhes pedimos para assimilarem bem esta mensagem, a fim de que saibam o que estará acontecendo quando chegar a hora. Meus amigos, estejam preparados para reagirem a todos as transformações quando algo mudar no mundo de vocês, é por isso que lhes avisamos sabiamente, e com a finalidade de que possam ajudar seus entes queridos quando chegar a hora.
[Confúcio]
NÃO FAÇA DA SUA ALMA CAMPO DE CONFLITOS

Hoje, pegando os ensinamentos da Grande Fraternidade Branca, deparei-me com um texto falando sobre as dificuldades que
estão por vir e nos dando alento, pois as mudanças doerão um pouco, mas virão para que tudo, enfim, entre nos eixos.
Sei que muitos não acreditam, e os respeito tanto quanto os que professam o meu credo.
Mas não custa alertar para que não se deixem envolver pelo pessimismo, pelo medo ou pela desesperança.
O final será para o bem.
Apenas confiem e se entreguem a esta nova energia que está vindo, desconhecida ainda, mas iluminada, transformando todos os que se abrirem a recalibração e ajustes.
Que cada um tente não sair de sintonia com pensamentos de tristeza, de desalento, de ira. Pense paz e harmonia.
Evite se sentir injustiçado ou se vitimizar, isso só quebraria um elo na corrente de Luz, fazendo com que a mudança seja mais lenta e dolorosa.
Agora é só manter acesa a chama com pensamentos de amor incondicional. Vigiar a mente para que não fuja ao controle, o espírito é o comando, não a carne.
E tentar não cair nas teias passadas, pois todos trazemos, do pretérito, mazelas e imperfeições quase visíveis a olho nu.
Não se preocupe com elas, todos cometemos nossos erros e falhamos várias vezes, a Misericórdia sempre virá em socorro
do que se dedicar ao combate dos deslizes e desajustes.
Que o passado pertença ao passado, e por lá fique.
O que nos é pedido daqui pra frente é amor ao próximo, mesmo sem retorno. Respeito e proteção a toda forma de vida. Ajuda ao irmão que segue mais lento, oferecendo a mão.
E, principalmente, orientação se for pedida. Sem tentar ensinar nada, de nada sabemos, a orientação recomendada é sobre o valor do amor, da calma e da caridade [não só com a família, mas com os que chamamos de "estranhos" também, ninguém é estranho sob o sol do planeta].
Mesmo que não acredite, confie em uma Força Maior e não se deixe abater por notícias alarmistas, serão muitas, mas não faça da sua alma campo de conflitos.
Medite, ore na sua fé, se a possuir, e tente manter o equilibrio, tudo dará certo. Aliás, já deu!

Nenhum comentário:

Postar um comentário