quarta-feira, 4 de setembro de 2013

RIQUEZA

RIQUEZA

Rico é o pântano pelos depósitos de matéria orgânica.
Rica é a enxurrada pelos recursos de adubação.
Rica é a argila pela maleabilidade com que obedece o oleiro.
Rica é a pedra pela segurança que oferece à construção.
Rica é a ostra que encerra a pérola no próprio seio.
Rica é a árvore pelos tesouros que espalha.
Rico é o serro bruto pelos metais que esconde.
Rica é a areia que defende o leito das águas.
Rica é a fonte que auxilia sem recompensa.
Rica é a forja pelas utilidades que produz.
Rica é a dor pelas lições que ensina.
-x-
O Senhor não criou a pobreza.
Além disso, converteu o homem no rei das criaturas terrestres.
O homem, porém, até agora, no sentido coletivo da definição, permanece detido na posição de chefe dos animais.
-x-
Onde há luz de inteligência, não há penúria.
Cada coração pode ser um manancial de bênçãos.
-x-
Doar estimulo, fraternidade, alegria, consolo, esperança e amor é mais que transferir as bênçãos dos recursos amoedados.
-x-
Estejamos a postos para trabalhar e servir, sem olvidarmos que se há grandes benfeitores da Humanidade, que semeiam fortunas incalculáveis na preservação da saúde e da instrução da vida comunitária, Jesus, ainda e sempre, é o maior de todos os redentores da Terra, porque ofereceu ao mundo a própria vida, no sacrifício supremo do próprio coração.
-x-
Em verdade, aqueles que apenas encontram defeitos nos outros é que ainda não querem ou não podem amar a ninguém...


(De “Endereços da Paz”, de Francisco Cândido Xavier, pelo Espírito André Luiz)

Nenhum comentário:

Postar um comentário